Ultimos posts

 
Acho que o grande assunto, pelo menos desse domingo foi o avião que fez um pouso forçado com os apresentadores de televisão Angélica e Luciano Huck. Além deles, estavam na aeronave os três filhos, duas babás, o piloto e o co-piloto.

Um dos motores parou de funcionar, obrigando-o a fazer um pouso de emergência. O avião pousou de barriga, sem baixar trem de pouso.



Além do susto e a perícia do piloto que salvou a vida de todos no avião, a inacreditável foto da Angélica numa maca de hospital, sendo socorrida, me chamou a atenção. Por estar em ambiente interno do hospital, a imagem não parece ter sido feita por nenhum repórter fotográfico, que, teoricamente teria compromisso com a notícia (principal alegação de quem tira essas fotos a qualquer custo).

A imagem, muito provavelmente, foi feita por um profissional do hospital, que deveria estar prestando o socorro necessário não só a apresentadora como a qualquer outro paciente que chegasse a unidade de saúde.  Há também vídeo de um bombeiro que socorreu o avião, esse inclusive mostrando a cara.

A foto, presente na maioria dos meios de comunicação me fez pensar que merda estarmos refém de pessoas que sempre vão querer tirar proveito da situação difícil de outra pessoa, do sofrimento alheio. Nesse caso foi uma famosa. Na semana passada, foi o ciclista ensanguentado no chão da Lagoa Rodrigo de Freitas. E por aí, com vários exemplos diários que podemos apontar.

Essa banalização do sofrimento alheio é apenas uma das coisas que temos que lidar no nosso cotidiano. Mas confesso que me chama atenção, principalmente quando eu penso na família da vítima fotografa.

Até a próxima.



Montoya ganhou as 500 Milhas neste domingo

Ele voltou! Depois de sair pelas portas dos fundos  da principal categoria do automobilismo mundial e não ter vida muito boa na Nascar vencendo apenas duas provas em sete anos, Juan Pablo Montoya volta a ser vitorioso no automobilismo, vencendo a tradicional e importante prova das 500 Milhas de Indianápolis.

epois de sair da Formula 1-, o colombiano passou por problemas de adaptação com o carro da Nascar, que veio acompanhado do aumento de peso.  Conforme o piloto foi avançando na casa dos 30 anos, os quilos foram aumentando. Ele chegou a pesar 82kg. Medindo 1,70m, seu IMC (Índice de Massa Corporal) era de 28,37, perto do que é considerado como obeso, dos 30 em diante.

Montoya, e sua 'barriguinha', nos tempos de Nascar

Tudo mudou, porém, no ano passado, quando o colombiano foi chamado de volta para correr de monopostos na equipe Penske, uma das mais tradicionais da história da Indy. Ano passado nao foi dos melhoras mas 2015, tem sido diferente. Ele já venceu a prova inaugural da temporada, em St.Petersburg, e bebeu o leite das 500 Milhas de Indianápolis pela segunda vez na carreira em três participações (a primeira foi no inicio dos aos 2000).

http://www.iol.pt/multimedia/oratvi/multimedia/imagem/id/5561eea10cf226236fb5eac0/800

Um dos mais empolgados para a festa do titulo do Barcelona na Espanha, o zagueiro Piqué levou o filho Milan, fruto de seu relacionamento com a cantora Shakira, para jogar bola no gramado e o garotinho marcou o seu primeiro gol no estádio. A torcida foi à loucura.

Olha o momento do gooool:



Coisa fofa né não?
Internacional x Avaí Beira-Rio Inter sacolas lixo colheta Beira-Rio (Foto: Eduardo Moura/GloboEsporte.com)

O que é exemplar deve ser copiado. Pensando assim, a torcida do Internacional deu um baita exemplo após o jogo no seu estádio contra o Avaí. Após a vitória de 1x0, os torcedores imitaram os torcedores do Japão na Copa do Mundo de 2014 e saíram recolhendo o lixo deixado após o jogo.

De acordo com o vice-presidente de administração do Inter, a iniciativa teve boa aceitação por parte dos presentes neste domingo. O público do jogo, que teve 15.752 espectadores, impediu, porém, uma maior repercussão da atitude. A ideia do clube é disponibilizar as sacolas em todos os jogos do Colorado.

Bela iniciativa do clube em fornecer sacolas e excelente iniciativa dos torcedores em recolher o lixo.
https://haikella.files.wordpress.com/2012/12/roupa-apertada.jpg

Está acima do peso ou acha que andar todo apertado (a) está na moda? Pois bem, esse hábito pode trazer problemas para a saúde.  O uso de roupas apertadas aumenta a retenção de líquidos, o risco de aumentar depósito de gorduras localizadas dentre outros problemas. Muitas vezes a pessoa sente uma dor na coluna com frequência, tem dificuldade de respirar e algumas mulheres ainda notam um corrimento vaginal. Se não houver uma mudança desse hábito, esses sintomas podem se agravar e desencadear uma série de doenças.

Veja cinco problemas de saúde decorrentes desse hábito, veja quais são:

1 - Varizes

As varizes são temidas por todas as mulheres que almejam pernas bonitas. Entretanto, se elas mantêm o hábito de usar a calça jeans justas, as varizes podem aparecer com o tempo. — A progesterona, hormônio feminino, provoca uma dilatação das veias, o que favorece o surgimento das varizes. E com o uso frequente de roupas apertadas a circulação fica prejudicada e contribui para os primeiros vasinhos nas pernas. Além disso, quem tem predisposição genética ou toma algum tipo de contracepção hormonal tem mais chances de desenvolver o problema — diz o médico.

2 - Respiração

A falta de ar causada de uma hora para outra pode estar associada ao uso de roupas justas e não e só a calça jeans. Cintos apertados impedem a passagem do ar pelo corpo, sem contar que o ar só consegue chegar à parte alta do tórax. Esse processo é chamado de respiração curta, pois deixa o cérebro sem oxigênio, além de provocar consequências como a diminuição de concentração e ansiedade — ressalta o especialista.

3 - Celulite

As roupas justas, cinta modeladora e cintos apertados podem ser os responsáveis por agravar o quadro da celulite.  A celulite já prejudica a circulação sanguínea e com o uso desses acessórios a passagem do sangue fica ainda mais comprometida, o que pode contribuir para a evolução do grau da celulite. Ou seja, quem tem celulite de grau 1 pode passar a ter o grau 2 ou 3.

4 - Dores nas costas

Camisas que impedem o movimento dos braços ou uma combinação de roupas justas, sobrecarrega os músculos e as vértebras, o que exige um maior esforço na hora de realizar um movimento. Por isso, muitas vezes a pessoa reclama de dor na coluna, sensação de peso, ardência e formigamento nos ombros.

5 - Má digestão

Os acessórios que apertam muito o estômago dificultam a digestão. A pressão dessas roupas pressionam o estômago, causando azia e refluxo.

Agora que você conhece todos os malefícios da roupa apertada, procure evitar ao máximo para garantir uma boa qualidade de vida e longe de problemas de saúde.