Conheça os benefícios da dieta ortomolecular

Por | 17:32 Comente


 
Emagrecer aqueles quilinhos que tanto lhe incomodam pode significar muito mais do que uma simples dieta como tantas outras. Além de ajudar a eliminar gordura do corpo, a Medicina Ortomolecular colabora ainda com uma reeducação alimentar e promoção de saúde. "O tratamento tem como objetivo prevenir doenças e, mais do que isso, a busca pela promoção de saúde e qualidade de vida", comenta o médico Cyro Masci. Foi o que aconteceu com a estudante Larissa Schreiber de Azevedo, 15 anos. Em nove meses de tratamento ortomolecular, ela perdeu 20kg e conseguiu evitar dores nos joelhos. "Meu médico me disse que minhas dores no joelho vinham de meu sobrepeso, portanto, eu tenho que continuar magra para evitar cirurgias", conta.

Além de emagrecer, a estudante comenta ainda que percebeu uma melhora no fôlego e na disposição para o dia-a-dia. "Para mim, dieta ortomolecular é um tratamento, porque obesidade, na minha opinião, é uma doença que não quero mais nem passar perto", conta.

Segundo o médico Cyro Masci, o tratamento ortomolecular ajuda a emagrecer por estimular a mudança do hábito alimentar de maneira definitiva. "Melhora-se a absorção do intestino e perde-se o hábito da compulsão por açúcar. Mas, para isso, é fundamental que o indivíduo queira e se dedique a essas mudanças", explica.

Além de melhorar o equilíbrio químico do organismo, o tratamento ortomolecular tem ainda função preventiva, promotora de saúde e bem-estar da pessoa. "Ajuda-se a evitar doenças, além de dar mais ânimo e disposição à pessoa. Isso somente equilibrando corretamente o organismo", comenta o médico.

Efeitos da dieta ortomolecular
Segundo a terapeuta ortomolecular Cristina Maria Carrasco, é possível que os efeitos do tratamento sejam sentidos logo na primeira semana. "Muita gente chega a perder até 2kg já nos primeiros sete dias. No primeiro mês, os resultados são, de no mínimo 30%", comenta. Ela afirma ainda que a perda de peso é maior no metabolismo masculino.

Entretanto, para bons resultados, é fundamental que a pessoa seja dedicada e siga de corretamente o tratamento proposto. "A dedicação corresponde a 50% do sucesso final", comenta Cristina.

O que pode melhorar com a dieta ortomolecular
- Qualidade da pele
- Funcionamento de órgãos internos
- Cabelo e unha
- Celulite
- Estresse, cansaço e ânimo
- Qualidade de vida


Comente:

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

1) Você é responsável pelo que comenta
2) Seu IP foi registrado. Procure saber o que significa.
3) Comente sempre!