Produtor de "Guerra ao Terror" é proibido de ir ao Oscar

Por | 10:30 Comente



A Academia de Hollywood anunciou hoje que proibirá o acesso à festa do Oscar do produtor de "Guerra ao Terror", Nicolas Chartier, que violou as regras da premiação ao pedir votos para o filme.

Com nove indicações, "Guerra ao Terror" é o grande favorito aos prêmios principais junto a "Avatar", disputa que Chartier terá que acompanhar pela televisão no dia 7 de março.

Há duas semanas, Chartier enviou um e-mail aos membros da Academia pedindo apoio para seu filme e não para "uma produção de US$ 500 milhões", como escreveu em referência a "Avatar".

As regras da Academia dizem que não é permitida nenhuma forma de comunicação que tente promover um filme fazendo comparações negativas em relação a outro.

"Em particular, qualquer tática que destaque uma competição pelos títulos dos filmes é expressamente proibida", afirma a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood


Comente:

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

1) Você é responsável pelo que comenta
2) Seu IP foi registrado. Procure saber o que significa.
3) Comente sempre!