5 fotos de paisagens surreais pelo mundo

Por | 10:21 Comente



Há algumas imagens que circulam na Interwebs que beiram ao inacreditavel. Seja por causa da mistura de cores, seja porque a imagem foi feita na hora perfeita.

Esse post traz imagens de 5 lugares pela Terra que são lindos de viver. E claro, tem imagens inacreditáveis



1. Grand Prismatic Spring - Estados Unidos

Podia ser uma mancha na superfície de Júpiter captada por uma lente psicodélica do telescópio Hubble, mas trata-se do Grand Prismatic Spring, no Wyoming (EUA). Com cerca de 90 metros de largura e 50 de profundidade, o maior lago termal do Parque Nacional de Yellowstone deve estas cores às bactérias termófilas que vivem nas suas margens e produzem, em torno do azul profundo, um espectro que inclui amarelo, laranja, vermelho e marrom

2. Parque Geológico Zhangye Danxia - China Não há nada de falsificado nas cores e nas formas do Parque Geológico Zhangye Danxia, na província de Gansu (China). O degradê das rochas espalhadas em uma área de mais de 500 quilômetros quadrados é o resultado da prensagem de minerais de diferentes colorações há mais de 24 milhões de anos. A geologia peculiar foi ainda lapidada pela ação de ventos e chuvas e movimentação de placas tectônicas, que formaram cumes pontiguados e ravinas

2. Parque Geológico Zhangye Danxia - China

Não há nada de falsificado nas cores e nas formas do Parque Geológico Zhangye Danxia, na província de Gansu (China). O degradê das rochas espalhadas em uma área de mais de 500 quilômetros quadrados é o resultado da prensagem de minerais de diferentes colorações há mais de 24 milhões de anos. A geologia peculiar foi ainda lapidada pela ação de ventos e chuvas e movimentação de placas tectônicas, que formaram cumes pontiguados e ravinas


3. Dead Vlei - Namíbia Aqui não tem filtro épico do Instagram, Photoshop malandro nem tampouco pincel de artista. Os contornos sombrios das acácias mortas, encravadas no solo argiloso de Dead Vlei (Namíbia), foram captados no alvorecer, com as primeiras luzes do sol tingindo de laranja, em segundo plano, uma das enormes dunas de areia vermelha pontilhadas de gramíneas brancas. Na sombra, o solo de argila branco ficou azulado

3. Dead Vlei - Namíbia

Aqui não tem filtro épico do Instagram, Photoshop malandro nem tampouco pincel de artista. Os contornos sombrios das acácias mortas, encravadas no solo argiloso de Dead Vlei (Namíbia), foram captados no alvorecer, com as primeiras luzes do sol tingindo de laranja, em segundo plano, uma das enormes dunas de areia vermelha pontilhadas de gramíneas brancas. Na sombra, o solo de argila branco ficou azulado

4. Parque Nacional de Skaftafell - Islândia No sul do país que é o mais novo xodó do futebol mundial, o Parque Nacional de Skaftafell (Islândia) leva os aventureiros ao Glaciar Svinafell, uma disneylândia de trilhas e paredões de gelo a serem escalados. Na paisagem de cristal, não muito longe de um punhado de vulcões ativos, ergue-se uma imensa caverna natural de gelo, cujo teto e paredes translúcidos iluminam o interior com o azul do céu, o amarelo do sol e o verde das águas

4. Parque Nacional de Skaftafell - Islândia

No sul do país que é o mais novo xodó do futebol mundial, o Parque Nacional de Skaftafell (Islândia) leva os aventureiros ao Glaciar Svinafell, uma disneylândia de trilhas e paredões de gelo a serem escalados. Na paisagem de cristal, não muito longe de um punhado de vulcões ativos, ergue-se uma imensa caverna natural de gelo, cujo teto e paredes translúcidos iluminam o interior com o azul do céu, o amarelo do sol e o verde das águas

5. Giant's Causeway - Irlanda do Norte Cerca de 40 mil colunas de basalto, quase que perfeitamente poligonais e encaixadas, formam a impressionante Giant's Causeway, na Causeway Coast (Irlanda do Norte). Entre o mar e as falésias, frequentemente envolta nas brumas da região, a

5. Giant's Causeway - Irlanda do Norte

Cerca de 40 mil colunas de basalto, quase que perfeitamente poligonais e encaixadas, formam a impressionante Giant's Causeway, na Causeway Coast (Irlanda do Norte). Entre o mar e as falésias, frequentemente envolta nas brumas da região, a "calçada dos gigantes" é resultado de uma grande erupção vulcânica ocorrida há 60 milhões de anos – a rocha derretida subiu à superfície através de fendas e se solidificou no frio do Atlântico Norte


Legal, né?





Comente:

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

1) Você é responsável pelo que comenta
2) Seu IP foi registrado. Procure saber o que significa.
3) Comente sempre!